sábado, 29 de janeiro de 2011

Hoje, só hoje

Levando a vida...
Sonolenta
Devagar

Acordando devagar
Sem muita pressa
Já tive pressa, de nada adiantou.

Tem que ser planejada
levada com disciplina
tendo fé inabalável
coisa de que tenho demais
Sei que minha hora vai chegar
E estarei aqui,
esperando minha recompensa.

Estou bem, feliz...
Nada está como eu quero,
está tudo fora do eixo.
Mesmo assim,
há paz em mim.
Não sei de onde vem,
talvez seja uma paz que não é minha.
Mas é bom senti-la.
Como se,
as coisas estivessem todas erradas
e você, simplesmente,
acreditasse num milagre.
É assim que me sinto...
Acreditando no impossível
e mesmo que eu raciocine
não consigo perder a esperança.
Sei que há dias melhores.
E sei que estão bem perto de mim.

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

GOSTARIA DE UM COMENTÁRIO OU APENAS UM OIZINHO...